Mobiliário Estofado: tudo o que precisa de saber

O mobiliário estofado faz parte da decoração das casas em Portugal. Da sala-de-estar ao quarto e jardim, estas peças, graças à sua versatilidade, adaptam-se a qualquer ambiente. Se gosta de tecidos bonitos e funcionais, peças de mobiliário criativas e conforto, o mobiliário estofado é a escolha natural.

Breve história do estofamento

Originalmente, o estofamento (ou acolchoamento) referia-se à reparação de peças de mobiliário. No entanto, o ofício de estofador evoluiu e atualmente também se refere ao processo de criação de peças a partir do zero, desde a escolha de materiais ao design.

A técnica de estofamento pode ser aplicada a todos os tipos de design, mais ou menos complexo. Todavia, é frequentemente utilizada em sofás, cadeirões e cabeceiras de cama.

O tecido é o elemento-chave em qualquer peça de estofo e o que faz toda a diferença. Ainda assim não pode nunca descurar os elementos interiores da peça e que não estão visíveis. Estes aspetos vão influenciar o conforto e ergonomia da peça.

Razões para escolher peças de estofo

São quatro os critérios de escolha de peças de estofo e respetivos materiais:

  1. Funcionalidade.
  2. Durabilidade.
  3. Comfort.
  4. Estilo.

Vantagens do estofamento

  • Possibilidade de personalização: tecidos e materiais.
  • Técnicas de produção manuais.
  • Superfícies com relevo e com forte apelo ao toque.
  • Adaptabilidade a todo o todo o tipo de design e ambientes.
  • Intemporalidade.

O poder dos tecidos

Os tecidos podem criar primeiras impressões fortes e difíceis de ignorar. Daí a importância de escolher o design e os materiais perfeitos. No momento de selecionar o tecido, divida a sua decisão em diferentes grupos, nomeadamente: design da peça, função, harmonia no ambiente e resistência ao fogo.

Processo Domkapa em imagens

 

Para saber mais sobre as coleções de estofo da Domkapa, contacte a nossa equipa.